Emendas 2022 - Votacao - Header Wix.png

Pediatra na Escola

Agudos

Secretaria de Saúde

Resumo

Dentro das visitas às unidades de educação, a Pediatra leva material didático impresso e faz o levantamento em conjunto com as professoras e diretoras, das crianças que necessitam de suporte em cada situação de agravo á saúde/desenvolvimento.
Cria seu banco de dados e remete para a busca de apoio às crianças nas suas necessidades específicas.
O objetivo principal é prover melhorias na qualidade de vida das crianças vulneráveis na rede pública na Primeira Infância, juntamente com suas famílias e comunidade.
O Projeto é baseado na meta de fazer levantamento anual de toda a rede pública de ensino de 0 a 6 anos, com atualizações semestrais ou de acordo com a necessidade detectada individualmente

Experiência

O Projeto, até esse momento, está contando com visitas nas escolas e creches do município que tenham crianças e 0 a 6 anos. Com isso, a pediatra do Projeto recebe informações das coordenadoras e professoras sobre como está caminhando o desenvolvimento das crianças, inspecionando as condições das crianças nas unidades, bem como fazendo as primeiras abordagens às crianças. Observa o comportamento pessoal/psico-social das mesmas, faz a aferição antropométrica de crescimento e desenvolvimento observando os desvios das curvas de referências ideias. Com isso, está criando um banco de dados para posterior análise das vulnerabilidades. Faz abordagens aos pais através da cartilha criada para o projeto ( Da pediatra para os pais), escrevendo recados que vão desde "parabéns seu filho esta muito bem", "precisamos melhorar tal aspecto", "seu filho esta apresentando algum problema", e até mesmo " detectei um problema importante com seu filho, preciso da sua presença na próxima semana, no horário estipulado, na UBS central, para conversarmos!!". Assim, os pais que recebem esse recado e não comparecem para a consulta presencial, são imediatamente notificados ao conselho tutelar da cidade pela pediatra.
Dentro do Projeto, temos já em prática atividades educativas em videoaulas para as crianças (chamada: Minutinhos Da Saúde), e para os pais são feitas palestras virtuais ou presenciais assim que possível (Papo Com Os Pais). Os temas abordados envolvem os cuidados com a saúde, processo/saúde/doença, alimentações saudáveis, cuidados dentários, prevenção de acidentes domésticos, preservação e cuidados com o meio ambiente e a água, conhecimento básico do corpo humano, inclusão social de crianças portadoras de necessidades especiais (PNE), vacinação, solidariedade e relacionamentos /parentalidade.
Durante a Pandemia do Covid-19, até pela necessidade de saúde coletiva, tivemos atividades que foram feitas presencialmente, e o público que não estava presencialmente, recebeu por meio virtual as atividades educativas.

Público Alvo

Atualmente temos envolvidas 1968 crianças de 0 a 6 anos (0 a 3 anos 775 crianças, 4 a 6 anos 1193 crianças) distribuídas em toda rede municipal de educação de Agudos. Parte do projeto de detecção de desvios nutricionais se concentra preferencialmente nos menores da primeiríssima infância (de 0 a 3 anos), onde os agravantes futuros são de maior impacto. Os menores de 4 a 6 anos, devidamente avaliados pela gravidade, também farão parte dessa análise. O foco maior para essa faixa etária serão os desvios de desenvolvimento normal e transtornos de condutas (muito agravado atualmente pela pandemia Covid19).
Os maiores desafios do Projeto são detectar situações de crianças em situação de risco social, de risco nutricional, de desvios de desenvolvimento, transtornos de condutas e de falhas vacinais.