Emendas 2022 - Votacao - Header Wix.png

Recicla e Reintegra Taboão

Taboão da Serra

Prefeitura Municipal de Taboão da Serra

Resumo

O objetivo principal do projeto é promover cada vez mais a autonomia da cooperativa e de seus cooperados por meio da capacitação e ampliação da coleta seletiva municipal, o que consequentemente aumentará a renda dos cooperados, reduzirá custos públicos com a destinação ao aterro e contribuirá diretamente para a redução dos impactos ambientais e promoção da melhoria nas condições sanitárias da cidade. Para tanto, busca-se atingir as seguintes ações a partir de 3 metas:

META 1 - Oferecer uma formação para gestão cooperativismo especializada em incubação.

Ação
1.1 - Contratar a ITCP - Incubadora Tecnológica de Cooperativas Populares - USP para uma formação direta e presencial com os cooperados a partir de janeiro de 2022

META 2 - Ampliar a frota de caminhões para ampliação e autonomia na coleta porta a porta de novos bairros
Ação
2.1 - Comprar um caminhão 0km vuc - veículo urbano de carga HR 2.5 - 130 CV Diesel com carroceria e gaiola de reciclagem

META 3 - Criar com a Secretaria de Comunicação o layout / divulgação de educação ambiental para ampliar a adesão à coleta seletiva na cidade.

Ação
3.1 - Gerar material para divulgação online nas redes sociais e whatsapp.

Experiência

Prefeitura de Taboão da Serra investe em uma política de resíduos sólidos desde 2008. Por meio de uma parceria entre a Prefeitura de Taboão da Serra e a Cooperativa de Triagem de Resíduos Sólidos Cooperzagati, no ano de 2009 o município instalou a Usina de Triagem de Materiais Reciclados - galpão, projeto desenvolvido pela Secretaria de Obras, Infraestrutura e Serviços Urbanos que oferece ao munícipe inclusão social e geração de renda – de acordo com a produção mensal -, através da reciclagem e cooperação ambiental. São mantidas parcerias com empresas e órgãos públicos da cidade, que mantêm pontos de recolhimento dos resíduos recicláveis.

Desde então foi fornecido pela Prefeitura cessão do uso do espaço, maquinários e a frota para a realização da coleta de resíduos recicláveis, além de apoio técnico e social fornecido pela Secretaria de Desenvolvimento Urbano, Habitação e Meio Ambiente (SEHAB). São 12 anos de parceria entre o poder público e a Cooperativa Zagati.

Atualmente, possui um Plano Municipal de Gestão Integrada de Resíduos Sólidos de Taboão da Serra vigente e de acordo com o último SINIS - Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento enviado em julho de 2021, referente aos dados de 2020, a Cooperativa de Trabalho de Agentes Ambientais do Município de Taboão da Serra – Cooperzagati com parceria e apoio da prefeitura executa os serviços de coleta seletiva municipal e conta com 23 cooperados e 4 motoristas empregados da prefeitura. A forma de execução acontece de 3 formas:
Porta a porta - Em 17 bairros (o que representa 12.026 domicílios – face norte, equivalentes a 37.809 habitantes) ocorre às terças, quartas e quintas, no período da manhã;
Postos de entrega voluntária - Diariamente de segunda a sexta das 08 às 17 horas, moradores da cidade levam seus recicláveis até o endereço da Cooperativa;
Agendamento - Empresas parceiras, equipamentos públicos e condomínios.
No ano de 2020 foram recolhidas 430 toneladas, dessas foram comercializadas 400 e apenas 30 foram destinadas ao aterro, o que demonstra que 93 % dos resíduos puderam ser recuperados.

Tais dados apresentados mostram que o cenário comercial habitualmente sofre uma variação nos preços durante o ano. Mesmo tendo uma redução dos insumos durante a pandemia do COVID 19, principalmente por conta dos agendamentos com as empresas fechadas ou em rodízio, a Cooperativa se manteve eficaz na porcentagem de recuperação dos resíduos, ampliando a cada dia seu mercado de venda e com um valor agregado maior nos fardos.

Neste momento, os valores praticados para o segundo semestre já sofreram uma queda, o que reforça a importância da ampliação da coleta municipal para garantia de renda e da manutenção do trabalho das cooperadas e cooperados.

Público Alvo

O público-alvo direto do projeto são os sócios cooperados e colaboradoras que atuam na cooperativa, todos moradores desta municipalidade. O perfil sócio econômico é: 65 % mulheres e 35% homens. Desses 59% possuem mais de 50 anos de idade, com escolaridades subdivididas em ⅓ sem ensino médio, ⅓ com ensino médio incompleto e ⅓ com ensino médio completo. A renda média dos cooperados em 75 % do 1 º semestre de 2021 foi de R$1.200,00 (um mil e duzentos reais). Tal público é caracterizado pelo ODS 1, 1.3, 1.3.1 - “Proporção da população abrangida por regimes de proteção social, por sexo e para os seguintes grupos populacionais: crianças, população desempregada, população idosa, população com deficiência, mulheres grávidas, crianças recém-nascidas, pessoas que sofreram acidentes de trabalho, população em risco de pobreza e outros grupos populacionais vulneráveis.”

Como público alvo indireto é possível mensurar com o alcance das metas cerca de 5000 novos domicílios atendidos, comunidade escolar e UBS - Unidade Básica de Saúde de mais 3 bairros e cerca de 50 novas empresas serão beneficiadas pelo serviço de coleta, bem como a reciclagem dos resíduos gerando renda e reduzindo custos e insumos ao aterro e reintegrando novas cooperadas em trabalho digno e o poder público na cadeia da sustentabilidade.