Marina Helou destina mais de R$415 mil para Ribeirão Preto, SP

Ao longo do primeiro mandato, a deputada estadual em São Paulo Marina Helou teve forte presença em Ribeirão Preto, atuando principalmente em prol da saúde das mulheres, das mães, bebês e crianças. Só por meio de suas emendas parlamentares, foram mais de R$415 mil destinados para a cidade.

A deputada Marina Helou - de preto - em visita a Ribeirão Preto. (Foto: Assessoria)


Investimento na saúde geral


Em 2020, a deputada estadual destinou R$130 mil via emenda para a aquisição de equipamentos para a Sociedade Portuguesa de Beneficência - Hospital Imaculada Conceição, hospital filantrópico que presta serviços de alta e média complexidade em mais de 40 especialidades. O objetivo da deputada é colaborar para melhorar a saúde para a população.


Investimento na saúde de mães, bebês e crianças


A deputada Marina Helou também enviou, em 2021, mais de R$140 mil para o custeio do projeto "Pré-natal Digital" da Fundação de Apoio ao Ensino, Pesquisa e Assistência do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da USP (FAEPA). A destinação dessa emenda ocorreu por meio de um Edital de Emenda proposto pela deputada, no qual a própria população do estado de São Paulo escolheu para onde iria o recurso.


Com isso, foram criadas novas ferramentas de cuidados digitais com orientações sobre contracepção pós-parto imediato e medo do parto. Para a deputada estadual, a saúde e o bem-estar de mulheres, mães e crianças é uma de suas prioridades.


"O pré-natal é um momento superimportante para a saúde da mulher e do bebê. É nosso dever investir na disseminação de informações confiáveis sobre essa fase e atender essas mulheres com atenção e empatia".

Por meio de outro Edital de Emendas Participativas, Marina Helou contemplou outro projeto da FAEPA com R$145 mil em 2022. Dessa vez, voltado para a prevenção da gestação não planejada como redução de agravos maternos e infantis.


Segundo a Fundação, as gestações não planejadas estão associadas a vários prejuízos para a saúde materna e para a saúde neonatal e infantil, como risco de aborto, de depressão pós-parto ou risco de prematuridade.


Por meio da emenda da deputada, foi possível destinar contraceptivos reversíveis de longa ação, como o DIU, para as mulheres de Ribeirão Preto e cidades vizinhas que são atendidas no Centro de Referência da Saúde da Mulher de Ribeirão Preto (Mater).


Quer saber mais o que Marina Helou fez pela cidade e pelo estado de São Paulo? Acompanhe aqui.